S. Pedro Dumoulin-Borie, mártir

Pierre Borie MEP.jpg

Nascimento

20/02/1808, em Beynat de Corrèze, França

Morte

24/11/1838, em Tonkin, Vietnã

Beatificação

27/05/1900, pelo Papa Leão XIII

Canonização

19/06/1988, pelo Papa João Paulo II

Festa Litúrgica

24 de novembro

Onde Foi Congregado

Seminário diocesano de Tulle, França

Pedro Rosa Úrsula Dumoulin-Borie nasceu no ano de 1808, em Beynat, na França, sendo filho de trabalhadores de moinho, de onde deriva seu sobrenome.

Seus pais eram bastante relutantes quanto às decisões que Pedro desejava tomar em relação a sua vocação. Para eles, o filho não poderia ser missionário, pois não podia sair da França, para que ficasse ao redor de sua família. Podia até ser padre, desde que em seu país de origem.

Sendo assim, estudou em Beaulieu e Servieres, e em 1826 entrou no seminário de Tulle, diocese da qual fazia parte a sua cidade natal. Contudo, tinha a vocação muito clara em suas ideias, pois queria seguir para onde lhe chamassem, em especial para missões estrangeiras.

Portanto, em 1829, após ser ordenado subdiácono, ingressou no Seminário de Missões Estrangeiras de Paris, onde foi ordenado sacerdote em 21 de novembro de 1830, após autorização de Roma, necessária por ter pouca idade e pouco tempo no novo seminário. Logo depois, sem dúvida alguma, embarcou no norte da França, mais precisamente no porto de Le Havre, com destino a Mônaco.

No mesmo ano, partiu em direção a Tonkin, no Vietnã, porém gastou um certo tempo em Macau, China. Somente em 1832, conseguiu chegar ao seu destino, onde teve que trabalhar clandestinamente por haver uma intensa perseguição cristã. Mesmo assim, conseguiu se encarregar de uma zona do Vicariato local, a qual continha aproximadamente cinquenta pessoas, mais trinta sacerdotes e muitos seminaristas. Adaptou-se facilmente à língua local e costumes, fundando ali conventos e vários seminários menores.

Mesmo com o sucesso nas missões, havia uma intensa perseguição desde o primeiro ano de sua chegada, o que fez com que S. Pedro, em 1834, viesse a ter insuficiências na saúde por causa dos sofrimentos advindos da perseguição do governo. No ano posterior, recuperou-se e voltou a visitar as comunidades do vasto distrito sobre o qual tinha responsabilidade.

Em 1836, Pe. Dumoulin foi apresentado como sucessor do vigário apostólico Havard, tendo sido emitidas as bulas de nomeação episcopal de Vigário Apostólico e Bispo Titular de Acanto em julho de 1838.

Contudo, S. Pedro foi pego pelos perseguidores no mesmo ano, motivo pelo qual não foi sagrado Bispo, de modo que um pouco depois da emissão da bula, em 24 de novembro, este grande missionário francês, após negar veementemente várias vezes apostatar da fé, foi decapitado aos 30 anos de idade. Morreram ainda, no mesmo dia, outros dois padres naturais do Vietnã, os quais estavam junto a S. Pedro Dumoulin, Pedro Vo Dang Khoa e Vicente Ngyen Tho Diem.

São Pedro Dumoulin está entre os 117 mártires do Vietnã canonizados em 1988 pelo Papa João Paulo II.

Loading Likes...

Artigos Relacionados