Mártires do Japão

Comemora-se no dia de 19 de janeiro a memória de alguns mártires do Japão que foram congregados marianos, entre eles o beato João Batista de Machado e o Beato João Batista Zola. A expressão “mártires do Japão” se refere a vários grupos de mártires que morreram no Japão em defesa da fé católica, entre os anos de 1597 e 1639.

As origens do martírio remontam-nos a alguns anos antes, por volta dos anos entre 1549 e 1552, quando São Francisco Xavier iniciou a evangelização nas terras japonesas, sob o patrocínio da coroa portuguesa.

Inicialmente, o imperador japonês tolerou o estabelecimento de missionários católicos naquelas terras, acreditando que a evangelização cristã diminuiria a influência dos monges budistas e além disso impulsionaria as relações comerciais com Espanha e Portugal. Todavia, após poucos anos, o governo japonês começou a temer o colonialismo, sobretudo após perceber a tomada das Filipinas pelos espanhóis após a evangelização da população local. Assim, passou a enxergar as missões católicas como uma ameaça, iniciando-se a perseguição aos cristãos. Assim, a religião foi banida e todos os que ainda nela permanecessem seriam executados.

Dentre os grupos que sofreram martírio pela Defesa da fé no Japão, encontram-se os 205 mártires que morreram entre 1617 e 1632, conhecidos com o título de Carlos Spínola e Companheiros Mártires do Japão, dos quais alguns são congregados marianos, como o beato João Batista de Machado e o beato João Batista Zola, ambos sacerdotes jesuítas, que foram congregados no Colégio dos Jesuítas em Coimbra, Portugal. Cita-se ainda os Beatos Antônio Ixida, Miguel de Carvalho e Baltazar de Torres, além do próprio Carlos Spínola.

O grupo constituído por estes 205 católicos sofreu durante uma contínua repressão anticristã desencadeada em Nagasaki e Tóquio. Ao todo, foram 166 cristãos leigos, quase todos japoneses, e 39 sacerdotes. Todos eles foram beatificados por Pio IX em 7 de Maio de 1867.

Que o exemplo dos mártires possa encher-nos de coragem e de amor à fé. Mártires do Japão, roguem por nós!

Retratação dos 205 mártires do Japão beatificados em 1867 por Pio IX

Loading Likes...

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *